O Verbo se fez carne e habitou entre nós

Etiquetas

Solenidade da Anunciação do Senhor

rainha dos anjos porciuncula

O sacramento da nossa reconciliação

A humildade foi assumida pela majestade, a fraqueza, pela força, a mortalidade, pela eternidade. Para saldar a dívida de nossa condição humana, a natureza impassível uniu-se à natureza passível. Deste modo, como convinha à nossa recuperação, o único mediador entre Deus e os homens, o homem Jesus Cristo, podia submeter-se à morte através de sua natureza humana e permanecer imune em sua natureza divina.

Por conseguinte, numa natureza perfeita e integral de verdadeiro homem, nasceu o verdadeiro Deus, perfeito na sua divindade, perfeito na nossa humanidade. Por “nossa humanidade” queremos significar a natureza que o Criador desde o início formou em nós, e que assumiu para renová-la. Mas daquelas coisas que o Sedutor trouxe, e o homem enganado aceitou, não há nenhum vestígio no Salvador; nem pelo fato de se ter irmanado na comunhão da fragilidade humana, tornou-se participante dos nossos delitos.

Assumiu a condição de escravo, sem mancha de pecado, engrandecendo o humano, sem diminuir o divino. Porque o aniquilamento, pelo qual o invisível se tornou visível, e o Criador de tudo quis ser um dos mortais, foi uma condescendência da sua misericórdia, não uma falha do seu poder. Por conseguinte, aquele que, na sua condição divina se fez homem, assumindo a condição de escravo, se fez homem.

Entrou, portanto, o Filho de Deus neste mundo tão pequeno, descendo do trono celeste, mas sem deixar a glória do Pai; é gerado e nasce de modo totalmente novo. De modo novo porque, sendo invisível em si mesmo, torna-se visível como nós; incompreensível, quis ser compreendido;existindo antes dos tempos, começou a existir no tempo. O Senhor do universo assume a condição de escravo, envolvendo em sombra a imensidão de sua majestade; o Deus impassível não recusou ser homem passível, o imortal submeteu-se às leis da morte.

Aquele que é verdadeiro Deus, é também verdadeiro homem; e nesta unidade nada há de falso, porque nele é perfeita respectivamente tanto a humanidade do homem como a grandeza de Deus.

Nem Deus sofre mudança com esta condescendência da sua misericórdia nem o homem é destruído com sua elevação a tão alta dignidade. Cada natureza realiza, em comunhão com a outra, aquilo que lhe é próprio: o Verbo realiza o que é próprio do Verbo, e a carne realiza o que é próprio da carne.

A natureza divina resplandece nos milagres, a humana, sucumbe aos sofrimentos. E como o Verbo não renuncia à igualdade da glória do Pai, também a carne não deixa a natureza de nossa raça.

É um só e o mesmo – não nos cansaremos de repetir – verdadeiro Filho de Deus e verdadeiro Filho do homem. É Deus, porque no princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus: e o Verbo era Deus. É homem, porque o Verbo se fez carne e habitou entre nós (Jo 1,1.14).

Paz e Bem !

Fonte: Das Cartas de São Leão Magno, papa (Epist. 28, ad Flavianum, 4: PL 54,763-767, Séc.V). Do ofício das Leituras da Solenidade.

Buscar com todo coração!

Etiquetas

,

«Pedi, procurai, batei»

Esforça-te por agradar ao Senhor, espera-O interiormente sem lassidão, procura-O por meio dos teus pensamentos, violenta a tua vontade e as tuas decisões, obriga-as a tender continuamente para Ele. E verás como Ele Se aproxima de ti e em ti estabelece a sua morada (cf Jo 14,23). […] Lá está Ele, observando o teu raciocínio, os teus pensamentos, as tuas reflexões, analisando como O procuras, se é com toda a tua alma, se com moleza e negligência. E quando Ele vir que O procuras com ardor, manifestar-Se-á a ti e aparecer-te-á, virá em teu socorro, dar-te-á a vitória e livrar-te-á dos teus inimigos.

Com efeito, quando vir a maneira como O procuras, como colocas continuamente toda a tua esperança nele, instruir-te-á, ensinar-te-á a verdadeira oração, dar-te-á a caridade verdadeira que é Ele mesmo. Então, Ele tornar-Se-á tudo para ti: paraíso, árvore de vida, pérola preciosa, coroa, arquitecto, agricultor, um ser submetido ao sofrimento mas que não é atingido pelo sofrimento, homem, Deus, vinho, água viva, cordeiro, esposo, combatente, armadura, Cristo «tudo em todos» (1Cor 15,28). Tal como uma criança não se pode alimentar a si própria nem cuidar de si mesma, e pode somente olhar para sua mãe, chorando, até que ela seja tocada pela compaixão e trate dela, assim as almas crentes esperam sempre em Cristo e atribuem-Lhe toda a justiça. Como o sarmento seca se for separado da vinha (cf Jo 15,6), assim acontece a quem quer ser justo sem Cristo. E tal como «quem não entra pela porta do redil das ovelhas, mas sobe por outro lado, é ladrão e salteador» (Jo 10,1), assim é quem quer ser justo sem Aquele que justifica.

Fonte: Homilia atribuída a São Macário (?-390), monge do Egipto Homilias espirituais n° 30, 3-4.

Coragem! E sede fortes! Dt 31,6

Etiquetas

,

topic

Quando você pensar em desistir, olhe para o lado que realmente importa, o lado de dentro, e então se pergunte qual é a sua razão maior, o seu porquê, o motivo que te fará mais forte e mais capaz do que qualquer porém. Do que qualquer pesar. E vai.

Quando você pensar em desistir por causa deles, olhe para eles, e se pergunte quando foi que você deixou de ser importante para si mesmo, quando foi que a imagem refletida do outro lado do espelho deixou de ser a sua, quando foi que opiniões, críticas e julgamentos de quem nunca realmente parou para te olhar de verdade invadiram a sua vida e domaram as suas escolhas dessa maneira. E então deixe ir o peso do outro. Foque no que te fortalece. Mire no que te faz leve. E vai.

Quando você pensar em desistir por causa das circunstâncias, se pergunte qual é o propósito de tudo, da onde vem o aprendizado, o grande legado, o motivo que te fará agradecer mesmo quando a tristeza vier. E então se concentre no lado bom de todas as coisas, na sabedoria do universo, na certeza de que amanhã é sempre outro dia e que não há sofrimento ou dificuldade que dure para sempre. E vai.

Quando você pensar em desistir por causa de si mesmo, se pergunte quem é você e qual é a sua missão nesse mundo. E então avalie se o desistir tem a ver com ser forte, sábio e consciente (porque às vezes desistir exige mesmo uma coragem imensa) ou se é só uma maneira covarde de fugir da batalha antes mesmo da luta. E se for por falta de tentativa, e se for por medos e receios de não ser capaz, encontre dentro de si mesmo a força que te move a levantar da cama todos os dias. E vai.

Quando você pensar em desistir por causa do tempo, se pergunte o que realmente importa na vida: a direção ou a velocidade. E então comece a olhar para todas as coisas com a curiosidade e a aventura da criança e a sabedoria e a experiência do idoso. Do tempo passado, pegue o que te faz melhor, inspire-se no que te faz sorrir, orgulhe-se das cicatrizes, colecione histórias, mas siga em frente. Do presente nasce o recomeço. E o tempo nos ensina que nunca é tarde demais. Agarre-se na infinidade do agora, seja presente de corpo, alma e coração. Faça sempre o seu melhor. Seja sempre o seu melhor. Não dê demasiada importância a um futuro que você nem sabe se vai chegar. Vista o seu melhor sorriso, confie na força da sua intuição. Arregace as mangas. Tire o sapato. Deixe o vento bater no rosto. Deixe despentear.

E vai.

Quando você pensar em desistir, quando o barco virar e o mar estiver revolto demais, quando a única alternativa que restar de tudo isso for lutar ou morrer, agarre-se na sua fé, acredite no seu milagre, pule nas águas. E nade.

Quando você pensar em desistir, justamente porque não sabe nadar, olhe para o mundo com gana de herói, com olhos de quem desafia o impossível e faz valer a pena cada segundo da vida.

E pula na água.

Pula na água.

Quando a gente não sabe o que fazer, a gente aprende.

Fonte: Ateleia

Em Bacabal ! Paz e Bem!

Etiquetas

,

Após duas semanas de viagens, encontros e reuniões, volto a Bacabal, a nossa casa mãe! Agradeço a todos pelas orações e logo vamos partilhar algumas fotos e notícias. Aproveito para enviar um abraço amigo a todos que estão participando e ajudando nos retiros de carnaval ou se encontram com suas famílias, que Deus abençoe a todos com muita paz nestes dias!

Paz e Bem!

Semana Pedagogica do CONASA

Etiquetas

,

No dia 21 de janeiro, na conclusão da Semana Pedagógica do Colégio Nossa Senhora dos Anjos, estive presente para um momento de partilha e gratidão aos professores e colaboradores do CONASA.

Juntamente com Fr Wagner, refletimos sobre a nossa presença franciscana na Educação, a nossa história como presença na sociedade bacabalense, a missão do CONASA frente a atual realidade educacional e a atualidade da pedagogia franciscana da paz, da solidariedade-fraternidade, da ecologia e de uma educação para uma vida integral pensando preferencialmente nos mais pequenos e necessitados de nossa sociedade.

Destacamos também a colaboração conjunta com a Escola Paroquial Fr Alberto em São Luis, MA, e num horizonte próximo, também contemplamos o intercambio com o Colégio Industrial de Floriano, PI. Manifestamos nossa alegria pelos frades que trabalham mais especificamente neste projeto educacional: Fr Wagner, Fr Zacarias e agora o recém graduado em Pedagogia, Fr Pedro Nazário que inicia sua atividade na escola Fr Alberto, EPFA, em São Luis.

Um abençoado ano de 2015 para todos que trabalham nas escolas de nossa Provincia Franciscana de Nossa Senhora da Assunção, assim como, a todos os pais e estudantes. Paz e Bem!

Fr Bernardo, Ministro Provincial!

Semana Pedagógica

Imagem

Jubileu de 50 anos de Vida Religiosa

Etiquetas

,

Dia 24 de Janeiro celebramos o Jubileu de 50 anos de Vida Consagrada de Irmã Antonieta, do Carmelo de Teresina/PI. Foi uma belíssima celebração com a participação de muitas famílias da cidade de Teresina, amigos, Benfeitores e Religiosos(as). Nossa gratidão a Deus pela vida e missão de Ir Antonieta e por todas as irmãs de vida de clausura em nossa Igreja. Paz e Bem!

Imagem

Capela Vocacional

Etiquetas

,

Capela Vocacional com os Benfeitores de Lago dos Rodrigues, MA! Visitas às Famílias e Orações pelas Vocações Franciscanas. Deus abençoe a todas as famílias e nos conceda a graça de muitas e santas vocações. Paz e Bem!

Nossa Província em Festa ! Parabéns Fr Ivaldo !

Etiquetas

, ,

Fr Ivaldo OFM Jerusalem

Caro fr. Bernardo, caros confrades, Benfeitores e Amigos,  Paz e Bem!

Vos transmito a alegre notícia de que hoje pela manhã, fiz a defesa da tese e o exame final do bacharelado em teologia no Instituto Teológico Franciscano de Jerusalém. Tudo correu muito bem e obtive um bom resultado. Já saí de lá com a documentação em mãos e a sensação que fechei finalmente um ciclo longo em minha vida. Tivemos um almoço festivo aqui no convento no qual participaram , meu irmão, Ismeraldo, a Ana, sua esposa, e a Carmem, nossa amiga da Stela Turismo que veio com eles. Agora a corrida contra o tempo é grande pois viajamos a Roma na madrugada.

Vos agradeço pelas orações e sintonia. Grande abraço do irmão que tem muitas saudades.

Jerusalém, 30 de janeiro de 2015

Fr Ivaldo OFM, Jerusalém!

Fr Ivaldo retorna do seu tempo de estudos em Jerusalém, sendo agora transferido para a Fraternidade do Postulantado em Floriano PI. Sua Ordenação Sacerdotal é prevista para o dia 25 de Abril em Bacabal! Todos já estão convidados! O Bispo Ordenante será Dom Jacinto, Arcebispo de Teresina, PI.

Imagem

Conselho Paroquial São Francisco, Bacabal!

Etiquetas

, ,

Nesta quinta, 29/01, participei da reunião do Conselho da Paróquia São Francisco das Chagas, Bacabal, MA. São ao todo 70 comunidades assistidas por um trabalho de muito empenho pastoral e missionário de muitas equipes pastorais. Nosso Pároco, Fr Osmar, juntamente com a equipe de frades de Bacabal em conjunto com os leigos, realizam um trabalho evangelizador de uma verdadeira rede de comunidades em missão.

Nossa visita foi de gratidão em nome de toda a Província, que tem sua sede em Bacabal, ao pároco e particularmente ao conselho da Matriz de São Francisco, e motivar para a preparação das festas solenes deste ano de 2015, ano da Vida Consagrada: ano de Ordenação Sacerdotal, Profissões Religiosas e Jubileus Sacerdotais e outros momentos importantes da Provincia a se realizar em Bacabal.

Um abraço amigo de Paz e Bem com as Bênçãos de São Francisco das Chagas a todos da Paróquia de São Francisco das Chagas. Paz e Bem!

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 862 outros seguidores